TERRAPLANAGEM

Terraplenagem (português brasileiro: terraplanagem) é uma técnica construtiva que visa aplainar e aterrar um terreno. "Terrapleno", literalmente, significa "terra cheia, cheio de terra". Geralmente esta movimentação de solo tem o objetivo de atender a um projeto topográfico.

A técnica construtiva da terraplanagem tem objetivo, criar plataformas que podem ser horizontais ou inclinadas. Para se obter um resultado em um trabalho de terraplanagem, é necessário ter o conhecimento do modelo original da área a ser terraplanada, ou seja possuir levantamento planimétrico e altimétrico do terreno. Estes estudos topográficos são necessários para melhor compreensão do terreno em questão, onde é possível obter quantitativos e valores precisos, para orçamentação dos serviços de terraplanagem.

Quando o terreno em estado natural não se adequa ao empreendimento desejado, é preciso executar a terraplanagem do terreno. A forma mais econômica de terraplanagem acontece quando o local a ser nivelado possui uma área de corte volumentricamente igual à área de aterro, onde os custos da obra serão minimizados tendo em vista que não há exportação de material do empreendimento.

Outras duas situações são mais comuns, uma onde existe importação completa ou parcial de material para aterro. Outra situação é quando existe a necessidade de exportação completa ou parcial de todo material escavado para fora do terreno. Estas duas hipóteses acarretam em maiores custos devido a movimentação de caminhões, compra de material em uma jazida licenciada ou deposito de material “bota fora” também em local licenciado.

Para orçamentação de uma obra de terraplanagem é necessário atenção em uma peculiaridade da mecânica dos solos. Sempre que o solo é removido de sal posição naturas, ocorre um rearranjo da posição relativa das partículas (grão) acarretando um acréscimo no volume de “vazios” da massa. Escavando o material fica mais solto e sua densidade diminui, ou seja, o volume do material solto é maior que o material em estado natural, que se encontrava num certo estado de compactação, proveniente do seu próprio processo de formação.(MATOS, A)

Este processo é conhecido como empolamento ou expansão volumétrica é um fenômeno característico dos solos, importante na terraplenagem, principalmente quanto ao transporte de material. e tem valor médio de 30% do volume total, variando de acordo com o tipo de material, grau de coesão dos grãos, umidade do material. De modo geral o empolamento é proporcional a quantidade de finos (argila e silte) da amostra.

Um talude é o plano inclinado que limita um aterro e tem como função garantir a estabilidade do aterro. A sua geometria por natureza em aterros é de 1/1, ou seja, 45ºgraus não sendo aconselhada uma inclinação superior, pois não garante a sua estabilidade. 

De acordo com a norma da ABNT taludes de aterro devem ser construídos na proporção de um metro de altura para um metro e meio de largura, já para cortes faz-se o contrario. 

1/4